São Paulo vence a Unifacisa e se mantém firme no G-4 do NBB

(Foto: Marcos Limonti/NBB)

Em busca da recuperação no NBB 2020/21 após ser derrotado pelo Minas, o São Paulo nesta segunda-feira (21), enfrentou a Unifacisa , no Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim. Apesar do baixo aproveitamento das duas equipes na partida, o tricolor paulista venceu o duelo pelo placar de 77 a 65 conquistando uma vitória importante também no quesito confiança.

Primeiro Quarto – São Paulo 18 x 13 Unifacisa

O jogo começou bastante estudado pelas duas equipes com o primeiro ponto anotado no placar apenas após mais de um minuto de partida por parte dos paraibanos. Destaque para um bom início de Shamell e Lucas Mariano pelo lado São-Paulino. Porém com os times errando muito, nenhuma equipe conseguiu pontuar em dois dígitos após a metade do quarto e o placar ainda estava em 7 a 6 faltando menos de quatro minutos para o fim do período. Marcado por uma defesa forte de ambos os lados, o tricolor conseguiu deslanchar a pontuação apenas no final, após usar bastante o trabalho de garrafão , pelo fato de estar com dificuldades no perímetro devido a forte marcação adversária em seu principal fundamento.

Segundo Quarto – São Paulo 20 x 18 Unifacisa 

O segundo período começou praticamente da mesma forma do primeiro com as duas equipes tendo uma baixa porcentagem dos arremessos de quadra e o São Paulo sabendo se aproveitar da noite ruim dos principais destaques da Unifacisa. Porém após uma sequência de erros do tricolor, uma bola de 3 pontos de Vezaro, e outra de Pastor, o time paraibano passou a frente pela primeira vez no placar para a loucura do técnico são-paulino. Após receber uma deveras bronca de seu treinador,e o ala-pivô Jefferson William entrar inspirado anotando três bolas triplas consecutivas, o time paulista voltou a dianteira do marcador, e se não fez um primeiro tempo brilhante, ao menos foi ao intervalo vencendo a partida por 7 pontos.

Terceiro Quarto – São Paulo 19 x 12 Unifacisa 

O terceiro quarto começou com uma troca de pontos entre as duas equipes e os ataques conseguindo se impor sobre as defesas, porém o time paraibano errava muito facilitando bastante o jogo do tricolor que conseguiu abrir uma diferença de 10 pontos a cinco minutos do fim do período. Com um bom trabalho defensivo e de rebotes, uma ótima partida de Renan dos dois lados da quadra, e contando com o sempre regular Corderro Bennett  e Georginho mantendo sua performance acima dos dois dígitos, o time são-paulino se não foi brilhante nesse tempo, conseguiu limitar a Unifacisa a apenas 12 pontos , com a vitória sendo definida praticamente nesse período.

Quarto Quarto – São Paulo 20 x 22 Unifacisa 

Com a vitória praticamente definida, e o adversário já batido em quadra, Mortari rodou bastante o elenco nesse último período e assistiu o melhor quarto dos paraibanos. Boa oportunidade pros jovens Igor e Danilo que possuem pouco tempo de quadra na competição. No mais destaques para ótimas cravadas do pivô Lucas Mariano e também para o ala Rafa Oliveira que cresceu de rendimento na partida no último quarto. Apesar de chamarem a responsabilidade a favor do adversário, Murillo e Barnes (conhecido algoz tricolor) não viviam uma boa noite, tornando impossível que a Unifacisa ameaçasse tirar a diferença no placar, mesmo com uma ótima jogada para cinco pontos no fim da partida. Importante ressaltar a dedicação nos rebotes do São Paulo e um repertório maior demonstrado coletivamente frente a um perímetro que não foi eficiente hoje. Com isso, o jogo transcorreu de forma tranquila, e o basquete tricolor fechou o jogo em 77 a 65.

Destaques:

São Paulo: Georginho de Paula (14 pontos e 6 rebotes), Shamell Stallworth (13 pontos e 6 assistências) e Renan Lenz (12 pontos e 8 rebotes).

Unifacisa: Pecos (11 pontos e 3 assistências) , Rafa Oliveira (11 pontos e 2 rebotes) e Leonardo (10 pontos e 4 rebotes).

Considerações finais 

Mesmo não fazendo uma ótima partida nesta segunda-feira, o São Paulo conseguiu o que era mais importante, a vitória. Com um perímetro não tão eficiente nessa noite, coube aos comandados de Cláudio Mortari demonstrarem outro tipo de repertório ofensivo, o que foi visto na partida de ontem. Destaque para o esforço defensivo da equipe nos rebotes e também por saber aproveitar as falhas do adversário que não teve um aproveitamento bom na partida.

Porém, também vale ressaltar a defesa do tricolor que limitou um adversário com ótimo poderio ofensivo como o da Unifacisa a apenas 65 pontos. Cabe lembrar que sempre tivemos problemas com o norte-americano Nate Barnes que vinha de ótima partida contra Franca e foi apenas um mero espectador saindo zerado de quadra. Vitória importante também em questão de confiança, pois após vir de derrota de virada diante do Minas, era essencial o resultado positivo alcançado.

Próximo Jogo:  O São Paulo entra em quadra novamente já nesta quarta-feira (23), quando enfrenta a equipe do Fortaleza B.C. A partida, que será realizada no Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim, em São Paulo, está marcada para às 20h30 (horário de Brasília) e será transmitida no DAZN.

Arremesso Tricolor: ouça o podcast de basquete do SPFC24Horas em seu agregador favorito:

O Arremesso Tricolor é uma proposta independente e totalmente exclusiva do site SPFC 24 Horas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: