São Paulo enfrenta Mogi buscando manter a terceira colocação no NBB

(Foto: João Pires/LNB)

Após ficar com o vice campeonato da Copa Super 8 e logo em seguida estrear no segundo turno com vitória sobre o Caxias, o São Paulo enfrenta nesta quarta-feira (27) a equipe do Mogi. O duelo entre as duas equipes será realizado no Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim , e valerá para o tricolor a manutenção da terceira colocação no certame nacional e também o último teste antes da estréia na BCLA. A partida será realizada será às 21h00 (Horário de Brasilia), com transmissão do DAZN.

Último Confronto

O São Paulo na última segunda-feira (25) enfrentou o Caxias do Sul e não teve tarefa fácil. Muitos já esperavam uma partida complicada, afinal o tricolor havia sido derrotado a apenas dois dias pelo Flamengo na decisão da Copa Super 8 e o fator físico e psicológico poderia pesar a favor dos Gaúchos.

A tônica da partida foi favorável a equipe do Sul no início do duelo, onde claramente o cansaço do tricolor paulista pesava ao seu favor,e com um ótimo aproveitamento de arremessos de quadra a equipe do técnico Rodrigo Barbosa conseguiu fechar a primeira parcial em 24 a 19. Porém no segundo período após Cláudio Mortari começar a usar bem a sua rotação e colocar uma equipe mais descansada em quadra com Gerson, Renan, Dawkins e Isaac, mantendo apenas Georginho da formação principal,  a equipe passou a produzir bem mais e conseguiu fechar o primeiro tempo com 1 ponto de vantagem e ir para os vestiários com o placar em 39 a 38.

No segundo tempo, as equipes elevaram seu aproveitamento, com destaques para as partidas de Isaac e Georginho que mais uma vez anotou um triplo-duplo ( 13 pontos, 10 rebotes e 13 assistências). Pela equipe do Caxias se destacou o experiente Eddy que anotou 22 pontos e viu sua equipe ter um aproveitamento absurdo de 44% nas bolas de 3 pontos, anotando 12 bolas triplas em 27 tentadas. Apesar do duelo ter se mantido equilibrado até o fim, o tricolor soube administrar bem a partida e conseguiu fechar uma vitória sem sustos pelo placar de 86 a 81.

O adversário – Mogi Basquete 

Oitavo colocado no primeiro turno do NBB, a equipe do técnico Guerrinha acumula 8 vitórias e 7 derrotas em 15 jogos e realiza uma campanha de recuperação dentro da competição nacional. Conhecido por conseguir extrair sempre o melhor de seus jogadores, o saudoso técnico da equipe mogiana mais uma vez vai demonstrando sua capacidade em montar um time extremamente competitivo e aguerrido, mesmo não contando com um orçamento digno da tradição de sua equipe.

Possuindo em seu elenco uma das melhores duplas do Novo basquete Brasil, o Mogi vê na dupla Fúlvio e Wesley um dos principais motivos motivos para o crescimento da equipe na reta final do primeiro turno. Também não podemos esquecer de Coleman que é o cestinha da equipe na competição com 16,1 pontos anotados por partida, seguido pelo próprio Wesley com 15,9 pontos por jogo e de Fúlvio com 14,5. Outros destaques da equipe são o ala Fabrício Russo que mantém média de 12,2 pontos e do pivô Grubber que vêm em crescimento após voltar de lesão e já possui médias acima da casa dos dois dígitos. No campo das assistências, o ” Magic Fúlvio” lidera com folga as estatísticas da equipe, com 9,2 passes para cesta por partida, e também sobra no quesito eficiência, com 20,2 corroborando uma de suas melhores temporadas de sua carreira.

Vindo de três vitórias consecutivas sobre Pato Basquete, Brasília e Caxias do Sul, a equipe mogiana atravessa um bom momento, que culminou na classficação para a Copa Super 8. No torneio em que o São Paulo foi vice-campeão, a equipe de Guerrinha foi derrotada com facilidade nas quartas-de-final pela equipe do Minas por 96 a 71, placar que representou bem a péssima atuação da equipe mogiana.

São Paulo e Mogi se enfrentaram apenas 2 vezes pelo NBB com uma vitória para cada lado. Na temporada passada, em que não houve a partida do returno devido a pandemia de Covid-19, o Mogi venceu no ginásio do Morumbi por 83 a 80. Já nessa temporada, em duelo válido pelo primeiro turno, o São Paulo deu show no Ginásio Hugo Ramos, casa do adversário, e venceu por 112 a 75.

O jogo 

A expectativa é de que o jogo não seja da mesma forma que transcorreu no primeiro turno e não apresente tamanha facilidade ao São Paulo, muito devido ao melhor momento do adversário. Vindo de bons resultados no fim do primeiro turno, a equipe mogiana deve gerar muitas dificuldades ao tricolor, muito devido a maratona de jogos da equipe do Morumbi que vêm de uma final desgastante da Copa Super 8, e também já estreou no segundo turno da competição.

Para o Mogi, cabe a tentativa de freiar o volume do MVP Georginho de Paula, que vêm de excelentes apresentações na Copa Super 8 e de outro triplo-duplo diante da equipe do Caxias, tarefa difícil, devido a equipe mogiana não possuir no elenco um jogador que possua o biotipo de Georginho , que pode levar muita vantagem no ”isolation”. Outra tarefa árdua para os comandados de Jorge Guerra, é conter a dominância de Lucas Mariano no garrafão que faz uma de suas melhores temporadas da carreira na equipe do São Paulo. Outro fator que preocupa a equipe da região metropolitana, é o forte perímetro são-paulino, que foi fator decisivo no primeiro encontro entre as equipes, tendo os comandados de Cláudio Mortari bombardeado o adversário com 17 bolas triplas e 47% de aproveitamento da linha dos três pontos.

Já o tricolor precisa tomar muito cuidado com a dobradinha Fúlvio-Wesley, que é responsável por grande parte do volume ofensivo da equipe de Guerrinha. Outro ponto positivo e que deve gerar cuidados a equipe são-paulina é a facilidade de pontuar do ala Dominique Coleman, que é um ”scorer” nato e que chama o volume de pontuação para si.  Enumerados os pontos positivos das duas equipes, creio em uma vitória do Basquete Tricolor, que é muito importante não só pela manutenção da terceira colocação, mas para a confiança após uma derrota dura em uma final, e que serve também de aprendizado, para a equipe que na próxima semana estréia na Basketball Champions League Américas (BCLA) em território argentino diante da Universidad de Concepción ( Chile), e Quimsa ( Argentina), atual campeão e um dos melhores times da América do Sul atualmente, nos dias 1 e 2 respectivamente.

Para falar sobre este duelo e também enxergar a partida com os olhos do adversário, a equipe do SPFC 24 Horas conversou com um dos ”influencers” do basquete mogiano, administrador da página ”  Mogiano Boladão” no Instagram. Para Marcelo, apesar de não ser uma tarefa fácil para o Mogi, se a equipe do técnico Guerrinha for aplicada na defesa e tiver um bom aproveitamento no ataque liderados pelo maestro Fúlvio, eles podem chegar a vitória.

”hoje teremos um grande desafio para o Mogi Basquete, enfrentar uma equipe com as peças que o SPFC tem não é uma tarefa fácil. O retrospecto não joga a nosso favor, não conseguimos vencer o time do Morumbi ainda nessa temporada, porém isso não faz com que estejamos desesperançosos para hoje. Temos pontos fortes em nossa equipe e se soubermos fazer o nosso jogo temos chances de vitória. Talvez o segredo seja jogar intenso na defesa e cadenciar no ataque, os mais novos não parar de correr um segundo e deixar os jogadores mais experientes liderados por Fúlvio pensar o jogo. Temos que ter inteligência para levar o jogo em nosso ritmo, se fizermos isso e obtivermos um bom aproveitamento nos arremessos podemos surpreender! Que seja um grande jogo de basquete!”

FICHA TÉCNICA:

Jogo: São Paulo x Mogi Basquete

Local: Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim, São Paulo (SP).

Data e Horário: 27 de Janeiro ,21h00 (Horário de Brasília)

Transmissão: DAZN

São Paulo : Georginho de Paula, Corderro Bennett, Shamell Stallworth, Jefferson William(Renan Lenz) e Lucas Mariano. Técnico: Cláudio Mortari.

Mogi Basquete: Fúlvio, Fabrício Russo, Dominique Coleman, Wesley e Grubber. Técnico: Jorge Guerra.

Arremesso Tricolor: ouça o podcast de basquete do SPFC24Horas em seu agregador favorito:

O Arremesso Tricolor é uma proposta independente e totalmente exclusiva do site SPFC 24 Horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.