NBB: São Paulo enfrenta o Cerrado basquete nesta quinta-feira em Brasília

São Paulo Basquete
(Foto: Reprodução/LNB)

Sem entrar em quadra desde o 15 de março devido as novas medidas de restrições de controle a Covid-19 nos estados, o São Paulo enfrenta nesta quinta-feira (01), a equipe do Cerrado. A partida é a vigésima oitava do basquete tricolor na competição,que vai encerrando a sua participação na fase de classificação da competição. O duelo entre as duas equipes será às 19:00 horário de Brasília, e terá transmissão da plataforma de streaming DAZN.

Último Confronto

No último dia 15, o tricolor encarou a Unifacisa no Maracanãzinho em partida que exceto aos minutos finais foi um jogo muito parelho. Ainda sem poder contar com Isaac Rafael que aprimora a forma fisíca após seu caso de reinfecção por coronavírus nessa temporada, os comandados de Cláudio Mortari apresentaram uma evolução fisíca em relação ao início do mês e se sobressaíram no primeiro e no último quarto para fechar a vitória pelo placar de 90 a 79.

Após começar muito bem e vencer a primeira parcial por 26 a 16 a equipe são-paulina oscilou em quadra e cedeu a vitória dos paraibanos na segunda (22-17) e na terceira parcial (28-25). Porém apesar de ter cinco atletas que ponturaram na casa dos dois dígitos ( Barnes, Sahdi, Pastor, Nehemias e Betinho) a equipe da torcida mais fanática do último NBB viu Georginho e Lucas Mariano terem uma atuação totalmente fora da curva. Com o MVP anotando 30 pontos e distribuindo 11 assistências e o pivô também fazendo 30 pontos e pegando 11 rebotes, os dois confirmaram o momento colossal que vivem na temporada e decidiram mais uma partida a favor do São Paulo.

O adversário – Cerrado Basquete 

Atual décimo terceiro colocado do NBB com 7 vitórias e 17 derrotas, a equipe da capital federal vem de derrota para o Caxias do Sul por 91 a 88 e também foi derrotada pelo São Paulo no primeiro turno pelo placar de 91 a 83. Realizando uma campanha muito ruim na competição, o atual objetivo da equipe comandada pelo técnico Bruno Lopes é tentar nas últimas 6 partidas que lhes restam garantir uma improvável classificação para os playoffs dessa temporada.

O Cerrado teve uma baixa muito importante em seu elenco durante a competição que foi a saída do norte-americano J.C Fuller para o Real Esteli (NCA) que era o cestinha da equipe com média de 15,2 pontos e é o maior pontuador da equipe até hoje. Para o seu lugar veio Nick Wiggins ex Bauru que é o detentor da melhor média do time atualmente com 14,2 pontos por partida. Atrás dele vem Coelho (12,5), Paulo (12,1) e o pivô Douglas Nunes (10,6). Em rebotes, Paulo lidera com 5,1, seguido por Douglas Nunes (4,9). Se tratando de assistências o armador Coelho é o maior passador com 4,6  e também o jogador mais efetivo da equipe com 12,7 de eficiência.

É importante lembrar que no início da competição o time do Distrito Federal foi apontado como uma equipe que poderia ser uma das surpresas da competição pela montagem do elenco com jogadores bastante conhecidos no cenário nacional. Além dos já citados, jogadores como Crescenzi (campeão do NBB com o Flamengo e atual campeão do torneio de de habilidades), Fiorotto, Von Haydin e Ambrosino fazem parte da formação, o que caracteriza uma das decepções da temporada, apesar de ser a primeira participação do Cerrado no Novo Basquete Brasil.

O jogo 

Apesar de ter sido um adversário bastante complicado no primeiro turno, acredito que desta vez o jogo deve ser mais tranquilo para o São Paulo. Sem atuar a mais de um mês (entrou em quadra pela última vez no dia 28 de fevereiro) a equipe do técnico Bruno Lopes não conseguiu fazer frente às principais equipes do certame nacional nessa temporada.

Cabe aos comandados de Cláudio Mortari bastante atenção com os ”scorers” da equipe adversária, que é o caso de Nick Wiggins que demonstrou desde a temporada passsada ser um pontuador nato, freiar o ímpeto ofensivo de Coelho que além de ser o jogador mais eficiente da equipe, possui boas médias de pontos e assistências. Paulo é outro jogador que desde a temporada passada em que atuou pelo Pato demonstra estar em bastante crescimento e inspira cuidados. Douglas Nunes é um pivô bastante móvel que arremessa também muito bem do perímetro e deve dar trabalho a Lucas Mariano. Crescenzi é outro jogador que o tricolor também não deve ”tirar o olho”.

Para o time do Distrito Federal, tirar o ímpeto ofensivo de Georginho e Lucas Mariano é o desafio para se almejar uma vitória. Tarefa difícil pois pelo forte físico e altura, o MVP sempre leva vantagem no 1 contra 1 contra os armadores da competição, e Lucas Mariano vive um momento incrível que o coloca em briga pelo MVP dessa temporada.

Pelo lado são-paulino será interessante observar se essa parada já fez a equipe atingir o patamar físico de outrora. Jogadores como Shamell, Renan e Jefferson William ainda enfrentavam dificuldades físicas na última partida e podem render muito mais. Outro fator para se notar, será se Bennett voltará a boa fase e se Dawkins que vinha se estabelecendo como jogador muito importante na rotação continuará demonstrando o crescimento que demonstrou nas últimas 3 partidas antes da parada.

FICHA TÉCNICA:

Jogo: Cerrado x São Paulo

Local: Ginásio da ASCEB, Brasília

Data e Horário: 01 de Abril,19h00 (Horário de Brasília)

Transmissão: DAZN

Cerrado: Sérgio, Lucas Lima, Crescenzi, Nick Wiggins e Douglas Nunes. Técnico: Bruno Lopes.

São Paulo : Georginho de Paula, Corderro Bennett, Shamell Stallworth, Jefferson William e Lucas Mariano. Técnico: Cláudio Mortari.

Arremesso Tricolor: ouça o podcast de basquete do SPFC24Horas em seu agregador favorito:

O Arremesso Tricolor é uma proposta independente e totalmente exclusiva do site SPFC 24 Horas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: