Segunda Tricolor: Um time que nos deixa com esperança

(Foto: Rubens Chiri/ saopaulofc.net)

Fala Nação Tricolor, tudo em cima?

Não é de hoje que o torcedor tem ficado empolgado com um começo de temporada. Seja por resultado ou por reforços, o torcedor Tricolor sempre tinha um motivo para acreditar. Porém, como a gente já sabe, sempre acontecia alguma coisa para que essa esperança nos fosse tirada.

Nesse começo de temporada, o futebol praticado pelo time de Hernán Crespo e os reforços que chegaram, fazem com que mais uma vez o torcedor tenha esperança de que finalmente o time sairá da fila. Reforços com casca e experiência como Willian, Éder e Miranda, deixam bem claro que o São Paulo terá um time cascudo durante as competições.

Diferente do que aconteceu na última temporada, quando garotos como Diego Costa e Gabriel Sara, então recém promovidos, tiveram que encarar jogos como contra os dois contra o River Plate e contra a LDU na altitude de Quito. Dessa vez, principalmente nos jogos contra o Racing, o São Paulo terá experiência e força na hora de enfrentar a equipe argentina.

Falando em Libertadores, o que aconteceu com o São Paulo na última sexta (9), também é motivo de esperança. Parece, que finalmente o destino nos ajudou e nos colocou em um grupo relativamente tranquilo na principal competição da América do Sul. Racing, Sporting Cristal do Peru e o estreante Rentistas do Uruguai. O Rentistas inclusive foi quem nos colocou na posição de cabeça de chave, tirando a vaga do Penarol.

Como disse, é um grupo bem acessível. Porém, não podemos nos esquecer de que estamos falando de futebol. Tudo é imprevisível, como por exemplo a Costa Rica ter se classificado em primeiro em um grupo com três campeãs do mundo na Copa de 2014. O São Paulo não pode entrar na soberba e achar que já está garantido no mata-mata. Tenho certeza de que Crespo sabe disso e que irá trabalhar a cabeça de seus jogadores.

Esse é de longe o melhor início de temporada nos últimos anos. Desde 2017 o São Paulo não marcava tantos gols nos primeiro cinco jogos da temporada. Naquela ocasião foram 13 gols marcados. Nesse ano de 2021, o tricolor marcou mais. Foram 15 nesses primeiros cinco jogos, com direito a três goleadas, uma delas em cima do rival, Santos. Porém, uma coisa diferencia esse início de temporada em relação ao de 2017, os gols sofridos. Nos primeiros cinco jogos, o time de Crespo sofreu apenas quatro gols. Com Rogério Ceni foram 9 gols sofridos.

Claro que temos que esperar, ainda existe muito jogo pela frente. Agora virá uma pesada maratona de três jogos em cinco dias. A Libertadores já está por chegar também. Essa temporada promete muitas emoções e um calendário extremamente difícil. Porém, o torcedor tem sim, muitos motivos para ficar esperançoso.

UMA ÓTIMA SEMANA A TODOS!

Gustavo Dervelan.

Gustavo Dervelan

Gustavo Dervelan

20 anos, Paulistano e são-paulino de berço! Estudante de Jornalismo na Universidade São Judas Tadeu. Apaixonado por esportes Brasil a fora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.