Em quarta passagem, ídolo do São Paulo é demitido da base

Pita está no Caminho dos ídolos no Morumbi. (Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT)

Com as mudanças em Cotia, o ex-jogador e ídolo do clube, Pita, em sua quarta passagem nas divisões de base do São Paulo, acabou sendo demitido. Neste último trabalho estava de 2017 e encerrou no início de 2021.

Ex-meia, Pita, trabalhava como coordenador da captação de atletas para as categorias de base do clube. Em entrevista para o UOL, explicou seu trabalho: “O meu trabalho era como coordenador de captação, mas eu ficava mais nos campos, acompanhava os treinamentos. Eu tinha liberdade para orientar um jogador que precisasse. Alguns erros em jogos eu comentava com eles no dia a dia. A gente procurava passar as informações mais corretas para eles virarem grandes jogadores. Às vezes, surge poucos jogadores que driblam, que entram na área, que tentam passar pelo adversário. Os garotos de agora são fruto de um grande trabalho que foi feito quando chegamos e também do trabalho anterior”.

Com mudanças de gestão, Pita acabou saindo junto com o diretor Canassa e falou sobre as atuações no clube: “Eu trabalhei no São Paulo desde 1995. É a quarta vez que volto ao São Paulo, voltei em 2017 como coordenador de captação. Tínhamos um grupo e viajávamos o Brasil para captar jogadores para o São Paulo. Eu ficava mais no campo esperando esses jogadores que eram avaliados para saber se eles seriam utilizados ou não”.

Pita, 62 anos, participou de diversas formações de atletas, inclusive de Kaká, Julio Baptista, mais recente citou sobre Antony, Brenner, Gabriel Sara, Igor Gomes e outros atletas. São várias gerações com dedo de Pita.

Vale lembrar que em 2000, Pita foi treinador do São Paulo campeão da Copinha. Foi olheiro por um grande período, auxiliar técnico e até interino do profissional em um período. Em suas saídas do clube trabalhou no Urawa Reds, Kawasaki Frontale, ambos do Japão e no Desportivo Brasil.

Com a saída de Pita, o substituto é Rodrigo Lameira. Cotia tem tido muitas mudanças, a começar pelo comandante ser Marcos Biasotto. Junto com o diretor de categorias de base, Vizolli retornou para a base, Milton Cruz foi contratado para ser o representante do Muricy Ramalho em Cotia e também teve mudança no técnico do sub-20, Orlando Ribeiro foi demitido e Alex contratado.

Facebook: @SPFC24Horas | Instagram: @spfc24horas | Twitter: @spfc24horas_

Fábio Martins

Fábio Martins

Formado em jornalismo, ADM do SPFC 24 Horas desde 2012 e principal responsável pelo site e redes sociais desde 2014. Twitter: @fbiomartins1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.