Em busca de uma semifinal inédita, São Paulo encara o Paulistano pelas quartas de final da Copa Super 8

(Foto: Reprodução/FPB)

Após 16 dias sem entrar em quadra e assegurar a quarta colocação ao fim do primeiro turno do Novo Basquete Brasil, o São Paulo encara nesta sexta-feira (15) a equipe do Paulistano. O duelo entre as duas equipes será realizado no Ginásio do Antônio Prado Jr, casa do adversário , e valerá uma vaga para as semifinais da Copa Super 8. De acordo com o regulamento da competição, a partida em caráter eliminatório é uma das quartas de final do torneio e inicia-se às 19h00 (Horário de Brasilia), com transmissão do DAZN e da ESPN.

Último Confronto

A última partida do basquete tricolor ocorreu no último dia 30,onde enfrentou justamente a equipe do Paulistano em partida que encerrava o primeiro turno dos comandados de Cláudio Mortari. Em um jogo bastante estudado e com muitos erros das duas equipes, o duelo foi caracterizado pelo baixo aproveitamento dos ataques. Enfrentando muitas dificuldades para pontuar, o placar do primeiro tempo anotava 27 a 20 e contava muito bem a história do jogo até ali.

Ligeiramente superior no segundo tempo, o CAP parecia querer punir a sequência de erros do ataque do São Paulo e nos fez crer que poderíamos estar lamentando mais uma derrota no campeonato o que seria deveras decepcionante. Porém, Corderro Bennett destaque do jogo pelo lado do tricolor, fez uma partida bastante eficiente, e ao lado do sempre eficaz Lucas Mariano fizeram o duelo ser bastante equilibrado até o seu fim, levando a partida para a prorrogação.

No ”overtime” a equipe são-paulina imprimiu um ritmo diferente ao que realizou em todo jogo e foi muito eficiente dos dois lados da quadra, realizando uma atuação que o torcedor espera que vire rotina nos lados do Morumbi. Georginho apareceu para o jogo e com a ajuda de Shamell o time realizou um quinto período impecável, limitando a equipe do Paulistano a apenas 3 pontos em todo período, o que foi determinante para fechar a vitória por 78 a 64.

O adversário – Club Athletico Paulistano

Quinto colocado no primeiro turno do NBB, a equipe da capital acumula 10 vitórias em 15 jogos e realiza uma campanha superior a da temporada nessa primeira fase da competição nacional. Antes do confronto contra o São Paulo o time comandado pelo técnico Régis Marrelli só possuía duas derrotas em dez jogos, ou seja, atravessa um momento de certa instabilidade, após ser derrotada três vezes nas últimas cinco partidas.

Com uma pontuação bastante distribuída em sua rotação, a equipe tem Cauê Borges como principal pontuador da equipe com 13,9 pontos em média, seguido por por Ruivo com 13,0 e Vitão com 10,9. Maique lidera o CAP em rebotes com 7,5,e Deryk lidera as assistências da tradicional equipe do estado com 4,2 passes em média para a cesta por jogo.

Como já foi citado anteriormente, o CAP nos últimos 5 jogos sofreu derrotas para São Paulo, Minas e Unifacisa com destaque para um baixo aproveitamento do ataque que anotou em média apenas 70 pontos nesses últimos jogos. Porém, é importante frisar que a equipe é bastante equlibrada dos dois lados da quadra e possui em seu elenco atletas já renomados no basquete nacional, como o armador Felipe Ruivo,o ala-armador Cauê Borges ,os experientes Deryk, Vitão, Maique e o ótimo defensor Jimmy que com certeza sabem disputar esse tipo de jogo e irão complicar muito a vida do São Paulo.

Nessa temporada, São Paulo e Paulistano já se enfrentaram em três oportunidades, com vantagem para equipe são-paulina. Apesar de ser derrotado por 75 a 70 pela primeira fase do torneio estadual, o basquete tricolor venceu os dois últimos duelos, com placar de 86 a 69 já pela segunda fase do Campeonato Paulista e 78 a 64 em seu último encontro pelo NBB.

O jogo 

A expectativa é de um jogo bem duro para o tricolor paulista como em toda competição mata-mata. Apesar de o adversário não estar no seu melhor momento na competição, todo jogo eliminatório deve ser tratado com muito cuidado pois qualquer vacilo pode ser fatal. Mesmo não tendo conseguido ótimos resultados, a equipe do Paulistano enfrentou adversários complicados como Minas e Fortaleza e vendeu caro a derrota, se apegando ao fato que essas equipes também derrotaram o São Paulo.

Após vencer o clássico diante do Pinheiros, o time da capital enfrentou a Unifacisa e apesar das boas partidas de Deryk e Vitão ,sofreu com as transições rápidas dos Paraibanos e principalmente com a tarde inspirada de Betinho e Rafa Oliveira sendo algo crucial para a derrota. Outro ponto importante para esse tropeço do Paulistano foi o desfalque de Cauê Borges, que lesionado também não deve enfrentar o São Paulo. Cabe ao tricolor saber explorar seu principal fundamento que é o ataque, e saber anular as trocas do adversário, algo que já aconteceu nessa temporada e foi determinante para a vitória do Paulistano no Campeonato Paulista.

Para o CAP, cabe a tentativa de freiar o volume ofensivo do MVP Georginho de Paula, inibir o forte perímetro são-paulino e conter o eficiente pivô Lucas Mariano que é o principal jogador do tricolor no torneio até aqui. Demonstrando um ataque em certos momentos pragmático, os comandados de Cláudio Mortari vem tendo muitas dificuldades quando o adversário marca em zona, principalmente quando a bola de três pontos não cai. Sabendo disso, o técnico adversário com certeza não dará moleza para as principais jogadas do São Paulo, e o que se espera é que nessa pausa de 16 dias sem jogos, o time são-paulino tenha aproveitado bastante para aumentar seu portfólio ofensivo e tenha aproveitado ao máximo a preparação para que a equipe volte a exercer aquele basquete que o caracterizou como um dos favoritos ao titulo. Outro ponto que o time são-paulino pode aproveitar é o já citado desfalque de Cauê Borges, jogador importantíssimo na rotação do adversário e cestinha da equipe,que provavelmente protagonizaria um duelo interessante com Georginho. Sem Cauê, a rotação do CAP fica fragilizada, aumentando as chanes de vitória do tricolor. Apesar do favoritismo do basquete tricolor nessa partida, foco e concentração serão essenciais para não sermos surpreendidos com uma eliminação precoce em um torneio importante que vale vaga para a próxima edição da Basketball Champions League Américas (BCLA).

O ala-pivô Jefferson William mostra confiança num provável título da competição, e enfatiza a confiança que a equipe adquiriu após duas semanas de treinamentos intensos . ‘‘Treinamos muito essas duas semanas e estamos muito confiantes para conseguir a vitória. O time sabe o que quer e vamos com tudo. Queremos muito esse título e sabemos que temos condições.”

Para Renan Lenz, o tempo que a equipe teve para treinar após um primeiro turno desgastante pode ter sido primordial para o time alcançar o desempenho do início do campeonato, e demonstra que a equipe está muito motivada para conquistar esse campeonato .”A expectativa para esse jogo é a melhor possível, a gente teve um bom tempo para treinar e para conseguir o nosso ritmo denovo, e também para descansar um pouco porque tivemos um primeiro turno bem desgastante, então nós estamos bem motivados para conseguir essa vitória e conseguir a vaga na semifinal do Super 8, que é um campeonato de tiro curto onde eu acho que a gente tem uma boa chance de chegar na final e ganhar ”

O ala Isaac Rafael é enfático. A equipe não pode vacilar nesse momento decisivo, pois pode custar caro .”É um campeonato rápido e muito decisivo, então não temos tempo para jogar mal porque a eliminação vem.”

FICHA TÉCNICA:

Jogo: São Paulo x Club Athletico Paulistano

Local: Ginásio Antônio Prado Júnior, São Paulo (SP).

Data e Horário: 15 de Janeiro ,19h00 (Horário de Brasília)

Transmissão: DAZN e ESPN

PROVÁVEIS TITULARES

São Paulo : Georginho de Paula, Corderro Bennett, Shamell Stallworth, Renan Lenz e Lucas Mariano. Técnico: Cláudio Mortari.

Club Athletico Paulistano: Deryk Ramos, Felipe Ruivo, Barbosa, Vitão e Maique Tavares. Técnico: Régis Marrelli.

O décimo terceiro episódio do Arremesso tricolor faz uma análise da campanha do São Paulo no primeiro turno do NBB, e também faz uma projeção completa desse duelo contra o Paulistano pela Copa Super 8. Ouçam !

Arremesso Tricolor: ouça o podcast de basquete do SPFC24Horas em seu agregador favorito:

O Arremesso Tricolor é uma proposta independente e totalmente exclusiva do site SPFC 24 Horas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.