Análise do adversário – Sport – 37ª rodada

(Foto: Divulgação)

Na 37ª rodada, o São Paulo enfrentará mais um adversário que luta contra o rebaixamento, desta vez será o Sport Recife, atual 18ª colocado com 38 pontos, são 10 vitórias, 8 empates e 18 derrotas no Brasileirão 2018 até aqui.

O Sport foi uma tremenda desorganização durante a temporada, começou com Nelsinho Baptista no comando, trocou para Claudinei Oliveira que caiu logo após a derrota para o São Paulo na Ilha do Retiro, aquele 3 a 1, depois assumiu o filho do Nelsinho, o Eduardo Baptista que durou apenas oito rodadas, seis derrotas, um empate e uma vitória… Então assumiu Milton Mendes na 27ª rodada!

A estreia do Milton Mendes foi preocupante, derrota de 5 a 2 para o Atlético Mineiro, mas logo em seguida venceu o Inter por 2 a 1, e depois tomou uma goleada do Atlético Paranaense, 4 a 0… Foi então que o Sport reagiu, venceu Vasco em casa, derrotou o Grêmio na Arena do Grêmio, em jogo eletrizante e maluco, 4 a 3, fechou a sequência de vitórias vencendo o concorrente direto Ceará, 1 a 0. Depois empatou com Fluminense e Vitória, outros concorrentes direto, e vem de duas derrotas, para o Flamengo de 1 a 0 em casa, por fim para a Chapecoense, 2 a 1, fora.

A sequência ruim nos últimos quatro jogos prejudicou o Sport que tinha respirado fora do Z-4, a equipe acabou retornando para a degola e corre sérios riscos de rebaixamento caso não vença o São Paulo no Morumbi, por isso Milton Mendes deverá fazer mudanças no time que não está rendendo o esperado…

O Sport atuou em 51 jogos na temporada, venceu apenas 17, empatou 14 e perdeu 20, foram 57 gols marcados e 67 sofridos.

Com Milton Mendes no comando foram 10 jogos, 4 vitórias, 2 empates e 4 derrotas, sendo 12 gols marcados e 17 sofridos.

No primeiro turno, o time escalado por Claudinei Oliveira foi: Magrão, Cláudio Winck, Ronaldo Alves, Ernando e Sander; Ferreira, Fellipe Bastos e Deivid; Gabriel, Rafael Marques e Carlos Henrique.

Já para o reencontro no segundo turno, muitas mudanças: Maílson; Cláudio Winck, Ernando, Adryelson e Raul Prata; Marcão, Jair, Gabriel, Andrigo e Mateus Gonçalves; Michel Bastos.

Sem reação no campeonato, o Sport mudou as peças, algumas por obrigação como Magrão que sofreu grave lesão e perdeu o restante da temporada, o jovem Maílson assumiu. Na zaga o Adryelson ganhou a posição, enquanto a dupla de volante Jair e Marcão chegaram no clube já no segundo turno, assim como o ponta Mateus Gonçalves, reforçaram a equipe e logo conquistaram a vaga de titular.

O técnico Milton Mendes prometeu mudanças para o jogo contra o São Paulo, afinal o time pernambucano não vence há quatro rodadas e caso não vença no Morumbi, estará virtualmente rebaixado para a Série B, portanto é provável que tenha mudanças.

Uma das mudanças cogitadas é a saída do Hernane ‘Brocador’ e o Michel Bastos passe a atuar como falso nove da equipe, outra situação provável é o retorno do Raul Prata na lateral-esquerda, já que o time não deve contar com Sander, com isso Ernando que atuou improvisado na lateral-esquerda retorna para a zaga junto com Adryelson. Outra novidade seria a entrada do Andrigo no time, mas nenhuma situação foi confirmada, Milton Mendes fez testes durante a semana e citou: “Nesse jogo, possivelmente haverá uma ou duas mudanças para que a gente tente ter um algo mais na frente. Não que não estava tendo, estava tendo uma luta muito grande”.

O artilheiro do Sport na temporada é o Marlone com 7 gols, junto com o volante Anselmo que foi negociado no meio da temporada… Em seguida Gabriel com 6 gols, Michel Bastos com 4, Mateus e Cláudio Winck com 3. No Brasileirão os líderes de assistências do time são Michel Bastos, Sander e Marlone com 3 cada, depois Gabriel com duas.

Ponto forte

Vontade, o Sport jogará a vida na primeira divisão, e por isso é provável que entrem com disposição, como se fosse uma final de campeonato, pode ser um diferencial caso o São Paulo não entre focado na partida.

Ponto fraco

Sistema defensivo, o Sport sofreu 56 gols na Série A, difícil passar um jogo sem sofrer gol, é a segunda pior defesa da competição, só é superior que o Vitória, nem mesmo que o lanterna Paraná, portanto é preciso explorar esse ponto, e ainda mais que eles estarão pressionados, precisando vencer, vão dar mais espaço que o natural!

Fique de olho

Difícil destacar um jogador do atual Sport, poderia ser o lateral-esquerdo Sander, mas não deve jogar, o Michel Bastos é um velho conhecido nosso, perigoso na finalização, porém se bem marcado, não causa, com isso destaco o ponta-esquerda Mateus Gonçalves, é habilidoso e deve ser explorado pela equipe.

Curiosidade

O São Paulo nunca perdeu para o Sport dentro do Morumbi, foram 19 jogos com 18 vitórias do Tricolor e um empate.

Reencontro

O velho conhecido do São Paulo, Michel Bastos, reencontrará o Morumbi nesta segunda (26), os atacantes Hernane e Morato devem ficar no banco, já Rogério deve ser desfalque, todos atuaram no São Paulo. Do lado são-paulino Diego Souza e Everton Felipe atuaram pelo Sport nos últimos anos, era a força ofensiva do time pernambucano.

Tem alguma informação ou correção? Pode subir nos comentários, agradecemos!

Abraços

Fábio Martins

Fábio Martins

Formado em jornalismo, ADM do SPFC 24 Horas desde 2012 e principal responsável pelo site e redes sociais desde 2014. Twitter: @fbiomartins1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: