Tricolor vence primeiro clássico no ano e sai em vantagem na semifinal

Olá galera.

(Foto: Fábio Martins | SPFC 24 Horas)

Finalmente! Em jogo com grande entrega, tricolor venceu o primeiro clássico de 2018, e sai em vantagem na semi-final do Paulistão 2018.

Diego Aguirre surpreendeu a todos na escalação. Com o desfalque de Valdívia, veio ao jogo com uma formação diferente, com 3 volantes: Jucilei, Petros e Liziero.

Primeira coisa que pensei na hora foi que parecia que ele iria jogar pelo empate, e de primeiro momento não aprovei o time entrar com 3 volantes, jogando em casa, contra um rival extremamente desfalcado. Porém, a formação foi extremamente efetiva, o time defendeu-se MUITO bem, e pressionou bastante o time de Itaquera, até porque ele entrou com 3 volantes de grande qualidade técnica com a bola nos pés.

Acho que existe um certo preconceito quando times jogam com 3 volantes, mas esquecem que a seleção brasileira de Tite joga assim diversas vezes, seja com Casemiro, Paulinho e Renato Augusto ou até mesmo com Fernandinho no lugar de Renato Augusto, e também que a atual campeã do mundo, Alemanha, jogou assim durante toda a Copa de 2014, com Schweinsteiger, Khedira e Kroos. Talvez pelo fato de sempre vermos os times de Guardiola como exemplo, e quase sempre seus times jogam apenas com um volante, pois treina seus times para que todos ataquem com as bolas nos pés, e defendam sem ela, mas infelizmente, visto que a parte física no nosso time é um grande problema, é quase impossível fazer essa exigência, e arriscar jogar um clássico com apenas um volante.

Essa foi disparada uma das melhores partidas do São Paulo no ano, e agora sim vejo o time mais com a cara de Diego Aguirre. Claro, por um breve instante achei que o time podia ter ido mais pra cima no segundo tempo pra fazer mais gols, mas vamos fazer uma reflexão: se ele abrisse o time na tentativa de fazer mais gols, tirando um volante para colocar um atacante, e acabasse tomando o empate, não seria pior? Mais importante que qualquer coisa, é a vitória, e do jeito que ela foi, não tinha como ser melhor.

Gostei muito da atuação de todo o time, mas em especial, gostaria de citar a dupla de zaga, que mais uma vez foi muito segura com Arboleda e Bruno Alves, este novamente fez ótimo jogo e mostra que é um jogador importante para o elenco, superando tais desconfianças, Liziero, que a cada jogo que passa vai se firmando mais no time, e vem aqui um pedido meu ao presidente Leco: pelo amor de Deus, renove logo seu contrato e não cometa a INSANIDADE de vender ele. E para encerrar, Nenê e Tréllez, que foram contratações de certa forma criticadas pelo antigo técnico, decidiram a partida, em especial o colombiano, que fez seu melhor jogo com a camisa do São Paulo, com grande entrega, principalmente marcação pressão feita sobre a defesa adversária, e com participação decisiva no gol marcado pelo camisa 7.

Agora é manter o foco e a mesma entrega, que vamos conseguir a classificação. Próximo jogo será extremamente decisivo e difícil, os jogadores adversários vão entrar em campo com uma entrega absurda, pois ficaram mordidos com o jogo, além do fato que é sempre complicado jogar em Itaquera. Também acho bom ficarmos ligados com a arbitragem, pois não tenho dúvidas que podemos ter problemas nesse quesito, pois se olharmos o histórica, a cada 10 jogos, 8 temos influência forte da arbitragem a favor do time mandante.

Saudações!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.