Segunda Tricolor: É preciso ter calma.

(Foto: Marcos Ribolli)

Fala Nação Tricolor, tudo em cima?

Às vezes é difícil aceitar, eu sei. É muito difícil admitir que o rival, o principal rival, aquele que a torcida mais tem ânsia de ganhar e mais medo de perder, fez um jogo muito, mas muito melhor que o nosso. Ainda mais nas situações dos times, o São Paulo líder e eles brigando do meio da tabela para baixo.

Mas calma! Isso não é motivo para se colocar em xeque tudo o que foi feito no campeonato até agora. O São Paulo vinha de uma sequência de 17 jogos sem perder no Brasileirão, desde os 3×0 contra o Atlético, quase um turno inteiro. Infelizmente a derrota veio contra o pior adversário possível, mas repito: Muita calma!

Em 10 dias o São Paulo jogou três vezes, se preocupou com três adversários diferentes. Não houve tempo para treino, apenas para recuperar os jogadores fisicamente. Enquanto, o Corinthians e Mancini ficaram esses mesmos 10 dias apenas treinando e focando no Majestoso do último domingo (13). Foram 10 dias só pensando no São Paulo, assistindo e observando o que o time fazia nesses três jogos.

Mancini teve todo tempo do mundo para preparar a estratégia para o jogo. Preparou e executou com perfeição. O Corinthians impediu o São Paulo de praticar o seu futebol, anulou os meias, pressionou a saída de bola e os jogadores marcaram como nunca. Jamais vimos Cazares e Otero tão esforçados assim. Ainda por cima o São Paulo perdeu Luciano machucado. Com a entrada de Pablo, a movimentação que já era pouca, piorou mais ainda.

Porém como já disse, é preciso ter calma. Sim, o São Paulo fez um dos seus piores jogos nesse campeonato, em nenhum momento deu indícios que iria vencer a partida e quebrar o tabu, mas isso tem muito mérito do Corinthians que se preparou muito bem para essa partida. Por isso não podemos jogar tudo fora, nada está perdido, o São Paulo continua líder.

A preocupação para a final de quarta aumentou, mas será um jogo diferente. O Atlético também fez jogos nesse período, teve que se preocupar com outros times. Além do que, não é o estilo do Sampaoli jogar fechado como foi o Corinthians, os times do argentino jogam e deixam jogam, coisa que o São Paulo costuma se aproveitar. O resultado de quarta é imprevisível, mas temos a certeza de que será uma grande partida, digna da importância que tem. Será apenas a primeira das muitas finais que o São Paulo terá pela frente nesse campeonato, para nossa sorte, a maioria delas no Morumbi

UMA ÓTIMA SEMANA A TODOS!

Gustavo Dervelan (@dervelan_1999)

Gustavo Dervelan

20 anos, Paulistano e são-paulino de berço! Estudante de Jornalismo na Universidade São Judas Tadeu. Apaixonado por esportes Brasil a fora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: