São Paulo joga mal e vence Fortaleza de Rogério Ceni, num jogo sonolento

Liziero, pior jogador do São Paulo na partida (Foto: Divulgação).

Ficha Técnica:

Local: Morumbi (SP).

Data/Horário: 13 de Agosto, 19h15

Arbitragem: Leandro Vuaden, Eduardo Calza, Jorge Eduardo e Daniel Bins.

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Juanfran; Arboleda; Bruno Alves; Reinaldo; Liziero (Luan); Tchê Tchê; Dani Alves; Igor Gomes; Paulinho (Gabriel Sara); Pablo.

FORTALEZA: Felipe Alves; Bruno Melo; Paulão; Jackson (Carlinhos); Tinga; Juninho (Wellington Paulista); Felipe; David; Osvaldo (Gabriel); Romarinho (Vasquez); Yuri Cesar (Fragapane).

Partida:

São Paulo começou mal, tomando alguns ataques do Tricolor do Pici e passou perto de tomar um gol, acabou não tomando, mas jogou mal demais e criou quase nenhuma chance. Foi aí que Reinaldo cruzou no 2º pau para Dani Alves marcar, ainda no 1º tempo.

No segundo tempo, o jogo que já estava ruim, piorou, aos 5 minutos Juninho marcou para o Fortaleza e acabou tendo seu gol anulado, corretamente, pelo VAR. O São Paulo ainda tentou algumas vezes com uma cabeçada de Pablo e dois chutes de Tchê Tchê, mas pecou na criação (novamente).

Opinião:

A lesão de Vitor Bueno serviu para mostrar que Bóia é um bom jogador e merece ser avaliado para a titularidade, enquanto Liziero não pode sequer ser cogitado. O volante errou todos os passes que tentou e fez a diferença em campo, mas não ajudando o time, e sim desfavorecendo.

No segundo tempo, Sara entrou bem entrou bem e criou algumas chances para o tricolor paulista, mas acabou sendo prejudicado pela falta de velocidade di time na saída de Paulinho Bóia.

Diniz parece estar perdido, assim como todos os jogadores, que já não assemelham as ordens da aposta são paulina. Outro ponto estranho para citar é a entrevista de Dani Alves na saída de campo, afirmando que o importante são os 3 pontos, parecendo contrariar a, até então, filosofia treinada e passada por Diniz.

Um jogo ruim e que mostra a queda do desempenho do São Paulo, que precisa e pode melhorar muito ainda! A esperança é que o clube mude de postura nos próximos jogos.

A próxima partida do São Paulo é contra o Vasco da Gama, em São Januário, pela 3ª rodada do Brasileirão, no domingo às 16h00.

Pablo Araújo

@pabliinh

Pablo Araujo

15 Anos. Amante de futebol e hater de retrancas (exceto quando gera algum título para o São Paulo).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: