Notas – São Paulo 1 x 0 Santos

Bom dia, boa tarde e boa noite Nação Tricolor.

(Foto: Marcos Ribolli | globoesporte.com)

Neste domingo (20) o São Paulo encarou o clássico contra o Santos pela sexta rodada do Brasileirão 2018 e venceu por 1 a 0.

O clássico SanSão começou intenso, principalmente pelo lado do São Paulo que com segundos de jogo teve sua melhor chance na etapa, bela jogada trabalhada pelo ataque são-paulino e Diego Souza ficou na cara do gol, mas finalizou muito mal. Aos 10′ Nene arriscou finalização de fora da área e bateu na quina do travessão. A resposta santista em único ataque perigoso deles no primeiro tempo foi aos 12′, mas finalizaram muito fraco, sem grande susto. Com 16′ Militão apareceu livre após escanteio cobrado na medida, mas cabeceou muito mal. Com 19′ nova finalização de fora da área, desta vez Reinaldo em chute que passou muito perto. A partida foi esfriando, o São Paulo segue dominando, mas sem causar tanto, aos 40′ até assustou em jogada individual de Diego Souza, mas ficou no 0 a 0.

Veio o segundo tempo, com 1′ o Santos assustou, mas Marcos Guilherme respondeu em seguida com finalização perigosa de fora da área e pouco tempo depois, aos 10′ Diego Souza recebeu cruzamento de Éverton e marcou o gol são-paulino em bela cabeçada, 1 a 0. Aos 18′ o Santos respondeu em bela finalização de fora da área, boa defesa de Sidão. A partida foi ficando tensa, cartões amarelos distribuídos e no final do jogo, sustos, aos 32′ o árbitro não marcou falta em Jucilei no meio de campo, o Sidão saiu estranho e o adversário quase fez, e aos 44′ Sidão saiu mal, o adversário perdeu um gol incrível, ficando mesmo no 1 a 0.

Notas –

Sidão – No primeiro tempo quase não trabalhou, fez uma defesa espetacular no segundo tempo, estava seguro, mas depois deu duas saídas estranhas que por sorte não resultou em gol… 6.5

Militão – Boa partida do lateral são-paulino, ganhou a disputa contra o Rodrygo, deu pouco espaço, só vacilou na falta que gerou o seu cartão amarelo. 7.0

Anderson Martins – O zagueiro fez um primeiro tempo muito bom, muita classe, desarmava e tocava rápido com inteligência, mas no segundo tempo decaiu um pouco, recebeu amarelo no começo e acabou expulso na reta final em falta besta. 6.0

Bruno Alves – Partida segura do defensor são-paulino, ganhou diversos lances e fez o simples. 7.0

Reinaldo – Bastante acionado ofensivamente no primeiro tempo, o lateral fez uma boa partida, criou oportunidades em cruzamentos e até finalização de fora da área, no meio do segundo tempo se perdeu um pouco e cometeu muitas faltas, recebendo inclusive amarelo, depois foi substituído. 7.0

Jucilei – O dono do meio de campo mais uma vez, sempre bem posicionado, impediu as criações santistas pelo meio. 7.0

Hudson – Muita disposição, cortes cruciais e desta vez com velocidade no toque de bola, o volante fez um bom jogo. 7.0

Nene – O camisa 7 teve uma boa atuação no clássico, bons passes, movimentação, mandou bola na trave, mas não conseguiu ser decisivo desta vez. 6.5

Marcos Guilherme – Começou bem o jogo, elétrico, participativo, depois sumiu um pouco do jogo, mas teve disposição até o final, inclusive quando sentiu um incomodo muscular, seguiu em campo e tentando, faltou capricho nos cruzamentos. 6.5

Éverton – Estava muito mal no jogo, preso, sumido pela ponta, tentou vir pelo meio, mas deu belo cruzamento que resultou no único gol do jogo. 6.5

Diego Souza – O camisa 9 também não estava muito bem no jogo, perdeu uma oportunidade excelente com segundos de jogo, depois perdia todas as disputas, já estava cotado para ser substituído, mas antes fez um belo gol de cabeça. 7.0

Tréllez – Entrou no jogo e esperava-se mais intensidade, porém teve vontade. 5.5

Edimar – No geral cumpriu sua função no jogo, mas precisa ser mais malandro em alguns lances como no lateral que era para devolver a bola para o rival, mas jogou no pé deles no meio de campo e depois em jogada no ataque que caiu após toque do adversário. 5.5

Liziero – Pouco tempo em campo, até participou de algumas jogadas, mostrou qualidade e ajudou a prender a bola. 6.0

Aguirre – Armou uma equipe mais ofensiva e intensa para o clássico, deu resultado, o time começou em cima do adversário, não fez gol cedo por incompetência individual, mas saiu com a vitória e teve méritos pela maneira que colocou o time. 7.0

Nota geral – O São Paulo fez um bom clássico, controlou as ações da partida, e mesmo perdendo chances no primeiro tempo, desta vez não deu sopa para o azar e venceu o jogo. 7.5

Bola cheia –

Diego Souza – Pelo fato de ter sido decisivo novamente, são três jogos recentes no Morumbi e três gols marcados.

Zaga – Com grande colaboração do Jucilei que ganhou todas pelo meio, também do Hudson, os laterais, Anderson e Bruno Alves fizeram uma partida segura de maneira geral, um ou outro susto, mas normal, importante é que desta vez seguraram o resultado.

Começo do jogo – A intensidade no começo de partida é o jeito que o São Paulo deveria jogar mais vezes no Morumbi e também jogos fora de casa contra equipes ‘menores’, faltou o gol, mas foi por detalhes em pelo menos quatro oportunidades…

Aguirre – Teve a semana de treinamentos e preparou bem o time para o clássico, claramente a equipe estava consciente em campo, evitando os erros que fizeram o time perder o último SanSão, portanto contém méritos!

Bola murcha –

Arbitragem – No final do jogo, o árbitro Braulio deixou de marcar lances claros como a falta em cima de Jucilei que quase gerou o gol de empate do Santos.

Cartões ‘bestas’ – Anderson Martins podia ter evitado a expulsão, e o Militão também podia ter sido mais inteligente na jogada contra o Dodô…

Cansaço – É natural que o time saia com muito desgaste do jogo, se esforçam bastante, mas na metade do segundo tempo pelo menos quatro jogadores já sentiam o cansaço, isso não é natural… Tanto é que foram feitas três alterações, e Marcos Guilherme ficou se arrastando no fim, além de Hudson e Nene esgotados.

Abraços

Fábio Martins

Fábio Martins

Fábio Martins

Formado em jornalismo, ADM do SPFC 24 Horas desde 2012 e principal responsável pelo site e redes sociais desde 2014. Twitter: @fbiomartins1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.