Notas – Novorizontino 2×1 São Paulo | 4ª rodada – Paulistão 2021

Bom dia, boa tarde e boa noite Nação Tricolor.

Rojas marca, mas não adianta… (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)

Pela quarta rodada do Paulistão 2021, o São Paulo visitou o Novorizontino e acabou sendo derrota por 2×1, gols de Cléo Silva e Guilherme Queiroz para o Novorizontino, Rojas marcou para o Tricolor.

Em um primeiro tempo apagado, o São Paulo chegou com perigo duas vezes, uma com Pablo e outra com Nestor para Reinaldo, mas ambas parou na marcação, chegando a ter checagem do VAR, que por sinal seria um dos principais personagens do jogo. No fim, o Novorizontino abriu o placar com Cleo Silva, após duvida sobre impedimento, jogador estava adiantado, mas segundo o VAR, o Bruno Alves quem tocou na bola…

Veio o segundo tempo, Rojas entrou no lugar do zagueiro Rodrigo, mesma opção da vitória sobre o Santos. O time cresceu e logo empatou com o próprio Rojas cabeceando em cruzamento do Igor Vinicius. Mas após o empate, o time caiu de produção, o Novorizontino voltou assustar, Volpi fez algumas defesas. Eis que no fim do jogo, Reinaldo recua errado, dá um belo passe, e o Guilherme Queiroz chuta forte, Volpi falha, 2×1. Ainda teve tempo para polêmicas da arbitragem, o goleiro do Novorizontino parou Luciano, o VAR demorou 3 minutos, mas a árbitra não foi para a beira do gramado…

Notas –

Volpi – Vinha fazendo uma boa partida, defesas importantes, mas falhou no gol sofrido… 5,0

Rodrigo – Depois de muito tempo, voltou a ter chance, o começo foi ok, mas no gol sofrido vacilou também. 5,5

Bruno Alves – Participou do primeiro gol sofrido, se foi ele que realmente tocou na bola, acabou dando uma assistência na tentativa de tirar, no geral fez uma partida razoável. 5,0

Luan – Atuando na zaga, fez uma atuação muito discreta… 5,0

Igor Vinicius – Muito participativo, apareceu bastante, no primeiro tempo acertou duas jogadas que quase ocasionou em gol, mas na maioria falhou, no segundo tempo foi dele o cruzamento. No saldo foram 8 cruzamentos e 3 acertos. 6,0

Nestor – Volante de qualidade e boa saída de bola, mas neste jogo foi bem apagado, apesar da boa média de passes certos e de duas finalizações, faltou mais principalmente no primeiro tempo. 5,5

Daniel Alves – Pega bastante na bola, mas muitas vezes demora para solta-la e atrasa as jogadas, tem faltado essa dinâmica para ele no meio. 5,0

Gabriel Sara – Primeiro tempo ruim, apagado e quando aparecia errava, melhorou no começo do segundo tempo, mas ainda aquém do que pode produzir, ele precisa ser o ‘motorzinho’ desse meio. 5,0

Reinaldo – Péssima partida, errou todos cruzamentos, e ainda deu uma ‘assistência’ para o gol adversário. 1,0

Luciano – É o motor do time, luta, briga, tenta e cria. Não conseguiu seu gol, mas sofreu pênalti no fim da partida, e ainda no último lance faria um golaço… 6,5

Pablo – Brigou bastante, mas também errou tudo. Teve oportunidades, não finalizou bem e estava muito atrapalhado. 5,0

Joao Rojas – Entrou colocando fogo na partida mais uma vez, marcou gol, ajudou na marcação, tentou drible, muita disposição. 7,5

Tchê Tchê – Entrou em marcha lenta e pouco contribuiu para o jogo que estava empatado. 5,0

Vitor Bueno – Outro que teve sua chance e entrou em marcha lenta, pouco produziu… 4,5

Crespo – Como nas outras partidas, corrigiu a tática inicial que não estava funcionando, e o time melhorou com a mudança de um zagueiro por um ponta. Mas depois colocou Tchê Tchê e deu chance para Vitor Bueno, ainda tinha duas mexidas, podia ter tentado algo diferente nessas mudanças ou pelo menos feito as outras. 5,5

Nota Geral – Primeiro tempo aquém do que pode, claro que o calor atrapalha, e na segunda etapa tiveram 10a15 minutos intensos, conseguiram o gol, mas cansaram e o adversário teve maiores chances e domínio. 5,0

Bola cheia –

Rojas – Foi o jogador que mudou a postura do time em campo, além do gol, o seu espírito e entrega ajudaram demais nos minutos positivos da equipe no Jorjão.

Bola murcha –

Arbitragem – Seja a Edina ou o VAR, ocorreram falhas demais na partida, lances questionáveis como o pênalti sofrido pelo Luciano no fim da partida. O gol validado do Novorizontino ficou confuso, mas pareceu que o Bruno Alves tocou, enfim, arbitragem foi bem polêmica e deixou o jogo tenso.

Alterações – Crespo está testando e rodando elenco, normal, mas as opções por Tchê Tchê e Vitor Bueno não agradam, e ainda mais ter duas alterações ‘mortas’, podia ter rodado um pouco mais desta vez.

Primeiro tempo – O time fez um primeiro tempo lento, assim como nos outros jogos, e desta vez como saiu perdendo, para corrigir foi mais complicado.

Abraços

Fábio Martins (@fbiomartins)

Fábio Martins

Fábio Martins

Formado em jornalismo, ADM do SPFC 24 Horas desde 2012 e principal responsável pelo site e redes sociais desde 2014. Twitter: @fbiomartins1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.