No Santos, Diniz relembra São Paulo: “Se eu não tivesse saído talvez conquistássemos o título”

Foto: Geraldo Bubniak / Estadão Conteúdo

O técnico Fernando Diniz foi demitido do São Paulo em janeiro, com o time disputando o título brasileiro, mas em uma sequência muito ruim… Entretanto o treinador mostrou que ainda acreditava na chance de conquista.

Na apresentação no Santos, Diniz relembrou: “São Paulo oscilou, mas a gente descia e subia cada vez mais forte. Se eu não tivesse saído, talvez subíssemos e conquistássemos o título. Evoluímos em termos de resultado, perto de duas conquistas, e quero fazer história diferente no Santos”.

Em janeiro, o São Paulo de Diniz disputou 18 pontos e conquistou apenas dois, o que gerou a demissão. Porém, o São Paulo que liderou a competição por diversas rodadas, estava na quarta colocação com 58 pontos, o campeão Flamengo tinha 61 pontos naquela altura, enquanto o líder Inter estava com 65 pontos. No fim, o São Paulo fez 66 pontos, sendo assim, empatou com Ceará e Palmeiras, venceu Grêmio e Flamengo, perdeu para o rebaixado Botafogo.

Entre altos e baixos no Morumbi, Fernando Diniz ficou de setembro de 2019 até janeiro de 2021, um grande período. No total foram 75 jogos, 34 vitórias, 20 empates e 21 derrotas.

Vocês concordam com Fernando Diniz?

Fábio Martins

Formado em jornalismo, ADM do SPFC 24 Horas desde 2012 e principal responsável pelo site e redes sociais desde 2014. Twitter: @fbiomartins1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.