Motivado, Elinho Corazza chega ao São Paulo com sede de vitórias

(Foto: Marcos Limonti/LNB)

Sempre apelidado de maestro por onde passa, Elinho Corazza chega ao São Paulo para um dos mais importantes desafios da sua carreira, com atributos e experiência necessárias para fazer história no Basquete Tricolor. Dono de extrema inteligência tática e visão de jogo diferenciada, o armador vêm com objetivo de ser o dono da posição 1 que foi consagrada nos últimos anos por Georginho e ser o novo organizador desta nova equipe de Cláudio Mortari que terá características bem diferentes das demonstradas nos últimos anos.

Dono de cinco campeonatos paulistas consecutivos com Mogi, Paulistano e Franca , duas ligas sul-americanas com Mogi e Franca e uma Copa Super 8 também com o time Francano, o atleta sempre teve uma posição de destaque nessas equipes sendo o melhor armador do Paulista de 2017 e MVP das finais de 2018, e o melhor armador do NBB 17/18 quando conquistou o título com a equipe do Paulistano.

Além de ser um colecionador de troféus, Corazza também é um ótimo pontuador. Dono de um arremesso de três pontos extremamente confiável, ele vêm aumentando suas médias a cada temporada, fechando a temporada 20/21 do NBB com ótimos 43,8% do perímetro e 9,7 pontos de média, o que mostra uma evolução em relação as últimas temporadas.

Ciente da mudança de característica da equipe para a próxima temporada, e também do estilo de jogo de seus novos companheiros, o armador terá  Bennett, Marquinhos e Shamell, Caio Torres e Tyrone (Esse ainda não oficializado) que são ótimos chutadores e devem levar o foco do time ao fortalecimento dos chutes do perímetro. Para Elinho, o entrosamento que ele possui por ter jogado com a maioria dos atletas pode ajudar na adaptação para essa mudança no estilo de jogo, elevando suas expectativas para a temporada.

Minha expectativa é ótima, já joguei com quase todos e isso é sempre bom. Quanto ao sistema, vamos ser uma equipe com características bem diferentes da última temporada, e o Mortari vai nos colocar nas melhores condições para termos sucesso.

Multicampeão e com bagagem reconhecida no basquete nacional, o jogador de 31 anos desembarca no Morumbi para a terceira temporada do time são-paulino na elite. Vindo de dois vice-campeonatos no último ano, a modalidade ainda não conquistou nenhum título e com certeza uma conquista será muito importante para a consolidação do projeto tricolor. Ciente da responsabilidade, o armador promete trazer além de muita entrega e foco, auxiliar com sua liderança e mentalidade vencedora, para a equipe chegar no maior número de finais possíveis.

Espero trazer uma mentalidade de trabalho, dia-a-dia e liderança para disputarmos o máximo de finais possíveis. Vou fazer de tudo para isso, é o meu maior foco.

Nitidamente em franca evolução no fundamento da bola tripla desde a temporada 17/18 e atributo muito importante no esquema de jogo de Mortari, Elinho pretende melhorar sua produção ofensiva no São Paulo e se estabelecer além de um grande organizador, um excelente pontuador.

tive meus melhores números na última temporada e quero continuar evoluindo todo meu jogo, ofensivo e defensivo.

Outro grande desafio para o novo armador do tricolor paulista na próxima temporada será substituir nada mais nada menos que o grande expoente do projeto são-paulino até aqui e talvez o principal ídolo da modalidade pelos lados do Morumbi que é Georginho de Paula. Acostumado com grandes responsabilidades e evitando qualquer tipo de comparação, Elinho enfatiza que além de ter outro estilo de jogo e ser quase impossível outro jogador do basquete nacional se comparar com o MVP da temporada 19/20 a nível de estatística, os torcedores podem esperar dele muito profissionalismo e vontade de vencer.

É uma responsabilidade grande (substituir Georginho). Sou completamente outro estilo de jogo e outro papel dentro da equipe, estatisticamente é muito difícil algum jogador conseguir comparar com o George. Podem esperar muito profissionalismo e muita vontade de ganhar.

Vindo de uma equipe grande do basquete nacional, nosso novo maestro terá pela primeira vez a oportunidade de defender uma equipe de massa vinda do futebol.  Após conviver na última temporada com bolhas e ginásios vazios devido a pandemia, e com previsão da volta do público nos ginásios para o NBB, o armador diz sentir falta do calor dos torcedores, e reconhece a importância de equipes de relevância para aumentar a visibilidade do nosso basquete.

Espero que esse ano tenha torcida nos jogos, sentir o apoio ali na quadra é sensacional e estou com saudades. É muito importante para o basquete (as equipes de massa), com toda a visibilidade e a grandeza de torcida que tem, só ajuda a modalidade aparecer mais

O São Paulo de Elinho Corazza volta aos treinos essa semana visando a estreia no campeonato estadual, prevista pra o dia 04 de agosto, diante da Liga Sorocabana.

Guilherme Mendes 

Gosta de análises ? O Arremesso Tricolor fez uma thread no seu perfil do twitter, com tudo que a torcida pode esperar da contratação nosso novo armador. Um baita aperitivo com toda classe que Elinho possui em seu arsenal de jogadas.

Arremesso Tricolor: ouça o podcast de basquete do SPFC24Horas em seu agregador favorito:

O Arremesso Tricolor é uma proposta independente e totalmente exclusiva do site SPFC 24 Horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.