Mancini critica arbitragem: “Fica a todo momento querendo chamar a atenção do jogo para ele”

(Reprodução | ESPN Brasil)

O coordenador técnico Vagner Mancini conversou com a imprensa logo após o empate em 1 a 1 com o Flamengo no Morumbi e o assunto foi a arbitragem polêmica de Ricardo Marques Ribeiro.

Mancini relatou sobre a atuação do árbitro: “Achei o árbitro extremamente confuso em alguns lances, onde ele deveria ter tido uma atitude diferente. O lance que originou a saída do Pato, para todos nós, deveria ser uma expulsão, porque o atleta do Flamengo, ao chegar atrasado na bola, se adianta com o cotovelo”.

Em seguida citou o lance no fim da partida em cima do Antony: “Nós tivemos também um outro lance do Trauco em cima do Antony, que é discutível, e o último lance, onde o Bruno disputa uma bola com o jogador do Flamengo e ela toca no ombro, que também gerou uma certa dúvida. A partir do momento que tivemos uma palestra dentro do CT do São Paulo, onde nos foi explicado que qualquer jogador que busque o equilíbrio com os dois braços levantados, que isso teria que ser interpretado como uma disputa normal. A expulsão no lance que originou a expulsão do Pato mudaria a cara do jogo.”

O coordenador são-paulino elogiou trabalho da CBF na arbitragem e chegada do Gaciba: “Lógico que todos nós confiamos no que a CBF tem feito, a chegada do (Leonardo) Gaciba é muito importante, porque é um cara extremamente atento e detalhista, tenho certeza de que (erros) serão coibidos”.

Fechou retornando sobre Ricardo Marques Ribeiro, árbitro do jogo deste domingo (5): “Fica mais uma vez a dúvida se o Ricardo Marques fica a todo momento querendo chamar a atenção do jogo para ele, paralisando em demasia a partida e não usando a tecnologia em lances que ele poderia usar. Fez com que o jogo fosse mastigado. Arrisco a dizer que foi o jogo de menos tempo corrido do Brasileiro até agora”.

Fábio Martins

Formado em jornalismo, ADM do SPFC 24 Horas desde 2012 e principal responsável pelo site e redes sociais desde 2014. Twitter: @fbiomartins1

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.