Das 18 campeãs do Pan-Americano de 2007, dez atuaram no futebol feminino do São Paulo

(Reprodução)

O Brasil foi campeão do Pan-Americano de 2007 com uma campanha impecável, venceu os seis jogos disputados (Canadá, Jamaica, Equador, Uruguai, México e Estados Unidos), marcou 33 gols e não sofreu nenhum. Com direito a goleada de 5 a 0 na decisão contra os Estados Unidos no Maraca lotado.

No título histórico do Pan-Americano de 2007 disputado no Rio de Janeiro, dentro do elenco, a goleira Andréia Suntaque, as defensoras Ester Santos, Tânia Maranhão e Aline Pellegrino, as meio-campistas Formiga, Rosana e Grazi, e as atacantes Cristiane, Katia Cilene e Simone Jatobá.

O São Paulo ficou muito tempo sem contar com um time de futebol feminino, mas nos anos 90 foi potência e contou com grandes atletas, até retornar em 2017 com o projeto… A maioria atuou no São Paulo nos tempos de ouro do futebol feminino, venceu a Taça Brasil de 1997, foi bicampeão do Paulistão em 1997 e 1999, ainda conquistou torneios amistosos em 1997 como Torneio da Primavera Rio-São Paulo, Torneio Início do Campeonato Paulista, Torneio de Campo Grande, Taça Holambra e por fim em 1999 venceu o Torneio Dr. Eduardo José Farah.

A zagueira Tânia Maranhão defendeu as cores do São Paulo entre 1995 até 1999, anos gloriosos para o Tricolor do Morumbi no futebol feminino, assim como a goleira Andréia Suntaque que começou carreira no futebol paranaense, mas veio atuar no São Paulo.

Uma das grandes atletas, que ainda está em atividade, a volante Formiga começou a carreira no São Paulo, atuou de 93 até 99, só em 1998 esteve na Portuguesa, mas retornou ainda. Outras que defenderam as cores do São Paulo neste período de 97 até 2000, e segue em atividade é a meio-campista Rosana, também revelada no Tricolor e atualmente defende o Palmeiras. Mesmo caso da experiente meia, Grazi, atualmente com 40 anos e no Corinthians, defendeu o São Paulo entre 98 até 2000.

A atual dirigente do futebol feminino na FPF (Federação Paulista de Futebol), defensora Aline Pellegrino começou a carreira no São Paulo, com apenas 15 anos, nos tempos de Katia Cilene e Sissi, mas depois deixou o clube por não conseguir conciliar e foi jogar no Juventus da Mooca.

De 1999 até 2001, a atacante Simone Jatobá também atuou pelo São Paulo, depois nos anos 2000 foi fazer sucesso atuando pelo futebol francês.

A craque Katia Cilene, foi uma das maiores jogadoras do futebol feminino, e atuou no São Paulo de 1997 até 2000, a estimativa é que ela ultrapassou a marca de 230 gols pelo clube do Morumbi. Segundo dados, Katia foi artilheira do Paulista de 1997, com 35 gols, e depois de 1998 com 42 gols, para fechar em 1999 marcou 48 gols. Como não bastasse teve grandes números no Campeonato Brasileiro de 1997, com 18 gols, de 1998, com 36 gols e de 1999/2000, com 19 gols.

Outra que teve passagem recente pelo Morumbi, sem grandes dados, foi Ester Santos em 2015… A mais recente foi a centroavante Cristiane que defendeu as cores do São Paulo em 2019, foram 9 jogos e 3 gols marcados, pois acabou deixando o clube nesta temporada.

Infelizmente, os dados como número de jogos, gols, temporadas exatas das atletas no São Paulo são restritos, mas tentamos o máximo reunir as informações aqui…

Ficha Técnica
BRASIL 5 X 0 ESTADOS UNIDOS
Data: 26 de julho de 2007
Local: Maracanã – Rio de Janeiro-RJ
Árbitro: Fernando Cabrera (URU)
Auxiliares: Carlos Pastorino (URU) e Marvin Ramirez (CRC)
Cartão amarelo
Estados Unidos: Taylor
Gols
Brasil: Marta, aos 18′, e Cristiane, aos 28′ do primeiro tempo. Cristiane (BRA), aos 3′, Marta, aos 20′, e Daniela Alves (BRA), aos 30′ do segundo tempo
Brasil: Andréia Suntaque; Aline, Renata Costa e Tânia Maranhão; Elaine, Daniela Alves, Formiga, Marta e Rosana (Kátia Cilene); Cristiane (Pretinha) e Maycon – Técnico: Jorge Barcellos
 
Estados Unidos: Naeher; Taylor, Fountain, Marshall e Wilmoth (Enyeart); Heath, Wright, Edwards e Nogueira; Cheney e O’Hara – Técnica: Jillian Jones

Sabe algum detalhe que faltou? Escreve nos comentários…

Facebook: SPFC 24 Horas | Instagram: @spfc24horas | Twitter: @spfc24horas_

Fábio Martins

Fábio Martins

Formado em jornalismo, ADM do SPFC 24 Horas desde 2012 e principal responsável pelo site e redes sociais desde 2014. Twitter: @fbiomartins1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.