Dani Alves: lateral, volante? Camisa 10!

Ao chegar no tricolor, Daniel Alves optou por usar a camisa 10 que consequentemente veio acompanhada da faixa de capitão. O que já era de se esperar, graças a sua influência no futebol mundial e pelo peso de sua presença, experiência e liderança. Já adianto que, ao meu ver, o único erro do Daniel Alves foi pegar a camisa 10 no SPFC. Não pela sua incapacidade de ser um “10”, mas principalmente pela má vontade da mídia em desmistificar a camisa 10 e não analisá-lo de fato pela posição que ele ocupa em campo.

Foto: Divulgação

Primeiramente, tratando sobre a mistificação da camisa 10, podemos dizer que aqui no Brasil as pessoas (e principalmente a mídia) enxergam esta camisa apenas com o peso do posicionamento, e não da responsabilidade que ser o “camisa 10” do time traz para um jogador, principalmente de um gigante como o São Paulo Futebol Clube. Aqui no futebol brasileiro, a camisa dez traz a ideia de um meia cerebral, postado à frente dos volantes e atrás do centroavante. Enxergam o cara, independentemente de quem seja, que veste a camisa 10 como o pifador que faz a bola correr, que a qualquer momento vai pisar na área para finalizar, ou que vai tirar algum passe da cartola e presentear algum atacante com uma mágica assistência, mesmo que este camisa 10 não jogue como dez. 

E este é o caso enfrentado por Dani no SPFC. O camisa dez pouquíssimas vezes jogou de 10, na esmagadora maioria das vezes em que foi escalado no meio de campo, este faz a função de “8”. E faz muito bem, por sinal. Não vejo na Alemanha discussões sobre Philipp Lahm ou Kimmich fazerem a função de segundo (ou até primeiro) homem de meio campo. Sabem por que isso acontece aqui? A resposta é simples: a maioria dos comentaristas da grande mídia são tão retrógrados quanto o futebol brasileiro. Daniel, mesmo jogando de 8 é um grande camisa 10. Ele sabe da grandeza do clube, e se colocou a altura de vestir a 10, o que faz com maestria. Dominando as críticas no peito, a camisa 10 blinda boa parte do grupo, e concentra toda a responsabilidade em cima dela. Ninguém melhor que Daniel, que tem costas largas o suficiente para aguentar a pressão, para vesti-la. 

Quer escalá-lo de ala? Ok! De volante? Ok! Daniel tem bola para jogar em qualquer uma das posições, e vai ser o melhor a atuar por ali. Não acredita? Vou te provar com números. O camisa dez (segundo a plataforma Sofascore) foi o melhor volante do campeonato brasileiro de 2020. Com a maior nota dentre os jogadores da posição no campeonato (7,37), o craque, se comparado aos outros jogadores da mesma função foi: 1º em cruzamentos certos (66), 1º em passes decisivos (73), 1º em toques na bola (2931) e 2º em bolas recuperadas (207).

Passes decisivos, aqueles mesmo citados pela a mídia ao dizer que ele oferece apenas como ala. Mais uma falácia de quem se recusa a enxergar o futebol. Na ala, convenhamos, não é necessário ressaltar sua contribuição (por mais que atuar como ala seja bem diferente de atuar na lateral, mas isso é papo para outra análise). O ponto central aqui discutido é que Daniel Alves é craque, independente da função ou posição ocupada em campo. Ou melhor, “Mr. Fútbol”, como nosso preparador físico e braço direito de Crespo, Alejandro Kohan e o preparador de goleiros Gustavo Nepote se referem ao camisa 10.

Seja como volante ou aberto pelos lados, Daniel Alves seguirá sendo o grande camisa 10 do São Paulo. É líder, é exemplo, o primeiro a chegar e último a sair do CT. Um exímio profissional que veio para ensinar muito, não só aos jovens jogadores, mas a grande parte da mídia que analisa futebol parcial e superficialmente. Obrigado, Daniel. Conquiste títulos, vire ídolo. É um prazer ver um jogador desse calibre vestir a camisa do meu time. Você é um verdadeiro camisa 10, mesmo jogando de “8” ou até mesmo “2”. Mais que um líder, seguirei o exemplo da comissão de Crespo, Dani Alves é sim o Mr. Fútbol. 

Saudações TRIcolores

Murilo Zanardi

@murilozanardi

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.