Notas: São Paulo 0x0 Athlético-PR | 34ª rodada – Brasileirão 2021

Bom dia, boa tarde e boa noite Nação Tricolor.

(Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)

Com bom público no Morumbi, o São Paulo encarou o Athlético Paranaense, confronto direto… Mas não conseguiu vencer, ficou no 0x0.

O início são-paulino foi dominante. Ou seja, o time criava, obrigou defesas de Santos, e tinha a posse de bola da partida. Entretanto, não conseguiu converter em gol, enquanto o Athlético Paranaense só defendia, e não deu uma finalização contra Volpi.

Na segunda etapa, o time paranaense seguiu sua estratégia defensiva, mas equilibrou um pouco mais. Tentou jogar mais, mesmo assim não ocasionou grandes perigos. Por outro lado, o São Paulo tentava, tinha a posse, mas faltava sempre um algo mais na hora do passe, cruzamento ou finalização, velho problema…

Notas –

Volpi – Pouco apareceu na TV, não precisou fazer defesa, e nem com pés foi tão acionado hoje… 6.5

Igor Vinicius – Nos duelos ganhou a maioria, ofensivamente apareceu, mas pouco acerta, e muitos passes para o Arboleda, chega a irritar. 4.0

Arboleda – Outro que venceu quase todas as disputas na partida, só teve um pequeno vacilo no fim, mas recuperou, bom jogo. 6.5

Miranda – Raçudo, teve entrega, mas precisa de mais rapidez na saída de bola… 6.0

Reinaldo – Uma entrada totalmente desnecessária no começo, podia ser expulso. No ataque apareceu, mas não caprichou, e vale para os escanteios. 4.0

Nestor – Tentou bolas longas, deu uma maior velocidade na saída de bola, mas não conseguiu fazer diferença. 5.0

Igor Gomes – Apesar dos números serem favoráveis em passes e duelos ganhos, o que vimos muitas vezes é displicência no meio de campo, perdeu bolas perigosas. Falta coragem. 3.0

Gabriel Sara – Disparado o que mais tenta jogadas, vai ali, aqui, movimenta, ajuda marcação. Entretanto, também erra jogadas de forma infantil, precisa ter mais regularidade. 5.0

Rigoni – Quase marcou um golaço no início, e lampejos de bom jogador. Mas no geral precisa entender nossa situação, perdeu uma grande chance e outras parece estar desligado… 4.0

Marquinhos – Desde que voltou a lesão perdeu o arranque. Até tentou jogadas, mas faltou completa-las melhor! 4.0

Calleri – Má partida, pouco acertou, saiu demais da área, mas salvou um pouco por dois bons passes que deu. 3.5

Léo – Entrou e praticamente só defendeu, quando apareceu no ataque ficou devendo. 5.0

Benitez – Dá outro ritmo para o meio, abriu bons passes, tentou jogadas. O único problema é que por vezes perde a bola com facilidade, aconteceu pelo menos três vezes no meio, mas no geral, é o que mais clareou jogadas. 6.0

Pablo – Muita entrega e pouco futebol. 3.0

Vitor Bueno – Aberto pela esquerda, foram poucos minutos, não concluiu bem as jogadas. 4.0

Orejuela – Entrou no final, deu um bom cruzamento para Pablo, mas depois não acertou uma também… 4.0

Ceni – Está tentando variações, buscou um time mais intenso no meio e ataque, mas está difícil dar liga. Dá para sentir o desespero dele no banco, mas teve uma semana e pouco para treinar, contra um time esgotado mentalmente e físico, portanto tem responsabilidade! 4.0

Nota geral – O time foi dominante, tentou jogadas, mas faltou o algo mais, e isso é grave, pois era um jogo necessário para vencer… 4.0

Bola cheia

Zaga  No geral, o sistema defensivo funcionou, talvez pela falta de esforço do adversário? Pode ser… Mas Arboleda, Miranda, e até Igor Vinicius ganharam jogadas no setor.

Torcida – Marcou presença, fez uma grande recepção, e não merecia mais um resultado lamentável.

Bola murcha

Não faz gol – Apenas 26 gols em 34 rodadas, é claro que o ataque é ineficiente. Pois mesmo com Calleri, Rigoni, Luciano, e tantas peças de valor acima da média de pelo menos 60% dos clubes da Série A, ou seja, é muito grave!

Conclusão das jogadas – É algo geral, seja cruzamento, último passe ou finalização, uma dessas tomadas de decisão é ruim, o time fica estagnado, tem domínio na posse, mas não marca gols e cria poucas chances claras como poderia. Deixando claro, foram 20 finalizações e apenas duas no gol, já diz muito.

Resultado – Foi péssimo… O Athlético Paranaense veio de força máxima, está na mesma situação que o São Paulo, mas vieram de título da Sul-Americana, viagem, ou seja, com desgaste físico e mental, além da festa da conquista. Era jogo para vencer no físico, não vencemos, e joga mais pressão para duelo contra Sport e depois Grêmio.

Abraços

Fábio Martins (@fbiomartins1)

Fábio Martins

Formado em jornalismo, ADM do SPFC 24 Horas desde 2012 e principal responsável pelo site e redes sociais desde 2014. Twitter: @fbiomartins1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: