Martín Benítez pode não ficar para 2022

Carlos Belmonte havia dito esses dias a rádio ‘Energia 97’ que já existem conversas com o Independiente, da Argentina, para prolongar o vínculo de empréstimo de Benítez por mais uma temporada. Porém, Adrian Castellano, empresário do jogador, disse em entrevista ao Jorge Nicola, que o meia argentino pode não continuar no São Paulo para a próxima temporada caso Hernán Crespo continue no comando técnico do clube.

Image

(Foto: Maurício Rummens)

O engraçado é que é a segunda vez, em menos de uma semana, que um empresário de jogador estrangeiro ataca Crespo.  Na sexta feira passada (8), o empresário do colombiano Orejuela disse a mesma coisa que Adrian Castellano afirmou.

Adrian disse que existem 3 equipes no Brasil muito interessadas em contar com o futebol de Benítez, e que o meia está chateado pela situação atual dele no time.

…”Já temos três equipes no Brasil muito interessadas no Benítez. A prioridade dele sempre foi o São Paulo, por causa do clube, do presidente, do Belmonte e do Rui Costa. Mas está claro que o Benítez não se encaixa no esquema do Crespo”…

O empresário ainda deixou claro que o meia não joga por opção do treinador:

…”O Benítez respeita o Crespo, suas opções… mas vai procurar um lugar onde possa jogar”, acrescenta Adrian, assegurando que o argentino está muito bem fisicamente. “Ele hoje pesa quatro quilos a menos que nos tempos de Vasco. O Benítez não joga apenas por opção do treinador”…

Adrian ainda disse que a maior frustação de Benítez pelo São Paulo, são os dois jogos das quartas-de-final da Copa Libertadores, contra o Palmeiras:

…”Ele havia jogado muito bem contra o Racing na Argentina e ficou no banco os 90 minutos contra o Palmeiras, no Morumbi. E o jogo estava bom para ele. Depois, sentiu um pequeno problema, mas estava à disposição para atuar pelo menos 30 minutos na partida da volta. E não teve chance”…

Citou ainda as quartas-de-final da Copa do Brasil, em que admite que o meia foi mal no jogo de volta, o 3 x 1, porém, foi mal como todo o time:

…”Ele não foi bem, assim como todo o time. Mas faltou ritmo de jogo. E, desde então, ele nunca mais foi titular”…

E para finalizar a entrevista do Jorge Nicola, com o empresário do atleta, ele se mostrou insatisfeito pela maneira que Crespo vem utilizando seu jogador:

…”O treinador cobra dele o comportamento de um camisa 5, quando na verdade ele é um 10. Repito: respeitamos o Crespo e sua forma de trabalho, mas com ele, o Benítez não vai ficar”…

Libertadores: Benítez comanda ótima estreia do São Paulo na competição - Jornal O Globo(Foto: Martin Mejia)

 

O que vem sendo divulgado pelo São Paulo nos últimos meses, é que o argentino vem sofrendo com uma série de lesões, por isso não vem tendo uma sequencia significativa no time titular. A última vez que ele foi titular da equipe, foi na derrota por 3 x 1 para o Fortaleza, em 15 de setembro, depois não apareceu mais no time titular. Após a derrota na Copa do Brasil, o São Paulo disputou 6 jogos, e o meia foi relacionado apenas para 4 jogos, só ficou de fora na vitória por 2 x 1 contra o Atlético Goianiense e no empate fora de casa por 1 x 1, contra a Chapecoense. Nos empates no Morumbi por 0 x 0 contra Atlético Mineiro e América Mineiro, o argentino estava no banco de reservas, porém, não entrou em campo. Nos dois últimos jogos, contra Santos, 1 x 1, e Cuiabá, 0 x 0, respectivamente, Benítez atuou por 24 minutos no total ( 5 min contra o Santos e 19 contra o Cuiabá). Contra o time da Vila Belmiro, Benítez ainda levou um cartão amarelo após o final do jogo por reclamação.

Com temor de lesões, São Paulo dosa desgaste, e Benítez joga apenas 48 minutos por partida | são paulo | ge(Foto: Marcos Ribolli)

Em 25 jogos do São Paulo no Brasileirão , o argentino disputou apenas 13, e somente 4 partidas como titular da equipe, marcou 1 gol e não deu assistência na competição, além de 4 cartões amarelos e 1 vermelho. Pelo Tricolor,  disputou 31 jogos no total, 17 vezes como titular, marcou 3 gols e deu 5 assistências. Ele atuou por 1436 minutos no Tricolor, isso dá uma média de 46,3 minutos por jogo. Além disso, só jogou durantes os 90 minutos em 3 ocasiões, a última contra o Vasco, vitória em São Januário, por 2 x 1, nas oitavas da Copa do Brasil, na ocasião, marcou um dos gols. Os outros dois jogos completos foram na derrota contra o RedBull Bragantino por 2 x 1, e no empate por 2 x 2 contra o Cuiabá, no primeiro turno do Brasileirão. Além de ter sido a última vez que atuou por 90 minutos contra o Vasco, foi o último jogo em que ele balançou as redes, no dia 4/08.

 

A posição de Benítez, o meia armador, é uma posição que tem muita carência no elenco são-paulino, porém, quando ele entra, não demonstra futebol para ser titular. Deixo aqui a reflexão: O problema será ele, que talvez viva lesionado, ou Crespo?

Dudu Azevedo

Tenho 21 anos, e sou apaixonado por futebol e principalmente pelo São Paulo Futebol Clube. Sou formado em Gestão Comercial pela FATEC, e tenho o grande sonho de ser jornalista esportivo, de contar histórias relacionadas ao futebol e superações. Respiro e vivo futebol 24 horas por dia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: