Notas – Fluminense 1×2 São Paulo | 27ª rodada – Brasileirão 2020

Como escrever muito sobre este São Paulo? Eu confesso que estou encantado, e a cada dia que passa este nosso Tricolor nos enche os olhos de alegria.
Hoje no Maracanã, foi um partida atípica, começamos muito bem, mas aos poucos deu para notar um São Paulo cansado, que foi diminuindo o ritmo aos poucos, apesar de virar o primeiro tempo ganhando.

No inicio do segundo tempo o desgaste veio a tona, mas conseguiu vencer a partida contra um Fluminense de uma boa garotada e com Fred querendo jogar.

São Paulo como sempre criativo, tocando a sua maneira, e manteve assim até o final da partida o que lhe valeu a vitoria, com dois gols de Brenner, o artilheiro do Brasil neste ano.

Mas vamos as notas, lembrando que Tchê Tchê não jogou, pois estava suspenso, e Luan levou o terceiro amarelo e também não enfrenta o Red Bull Bragantino.

Notas

Volpi – Não teve culpa no lindo gol de Fred, esteve melhor hoje saindo com os pés, não comprometeu e sempre ajudando no posicionamento da defesa – NOTA 7

Igor Vinícius – Não foi de longe o Igor de outras partidas, fraco na marcação e no apoio, poderia ter dado mais apoio ao ataque, mas perdia a bola com facilidade – NOTA 5

Arboleda – Foi a segurança no desarme e também ajudou na direita com falhas de Igor, hoje foi muito bem, também pelo alto e na marcação forte – NOTA 8

Bruno Alves – Pecou algumas vezes na marcação de Fred, deixando ele dominar, falhou na antecipação da marcação algumas vezes, mas foi bem pelo alto – NOTA 6

Reinaldo – De novo muito bem na lateral, tanto apoiando quanto na defesa, vamos sentir sua falta no jogo de quarta, passe fantástico para o primeiro gol de Brenner, parece ensaiada que tirou toda defesa do Fluminense da jogada – NOTA 9
Luan – Impressionante como Luan evoluiu estes últimos jogos, sai jogando, driblando, com segurança e é muito chato para marcar qualquer um, vai longe este garoto de 21 anos – NOTA 8
Rodrigo Nestor – Entrou e fez a parte dele, pouco tempo – NOTA 4
Igor Gomes – Não repetiu as últimas atuações, mas no modo geral girou bem o jogo e ajuda muito na marcação, recompõe muito rápido na marcação e esta amadurecendo
como jogador – NOTA 7
Pablo – Naquela de sempre, corre para ajustar a marcação na frente, teve lesão no final, mas continuou, vamos acompanhar esta lesão – NOTA 4

Gabriel Sara – Culpado pelo lance que tomamos o Gol, por isto a nota mais baixa, mas é um jogador fantástico, temos de analisar a frieza com que ele joga para a Equipe – NOTA 7

Hernanes – Entrou também no final – NOTA 4

Daniel Alves – É o motorzinho desta equipe, marca, briga, reclama, se puder ele bate escanteio e corre para cabecear, é de passes curtos e objetivos, joga simples o fácil – NOTA 9

Luciano – Nitidamente cansado, esforçado, mas se via que foi o primeiro a arriar, sentiu muito a forte marcação do Flu, e o cansaço impediu de sair da marcação – NOTA 6

Vitor Bueno – Entrou para segurar a bola e dar mais dinâmica no meio, com todos cansados – NOTA 5

Brenner – Tem cheiro de gol, se mete onde ninguém espera, voltava ainda para marcar e sair tocando para enganar a defesa do Flu, pelos Gols, hoje salvadores – NOTA 10

Toró – Esperava mais com a sua entrada, mas teve pouco tempo – NOTA 4

Fernando Diniz – Uma maquina fora do campo, parece que joga com o time, posiciona o tempo todo e cobra de todos, sempre ativo e tem o elenco nas mãos – NOTA 9

BOLA MURCHA – Igor Vinicius foi o que em minha opinião destoou hoje dos demais, poderia até ser Sara, pela entregada de bola no gol do Flu, mas Igor achei muito fraco hoje

BOLA CHEIA – Fiquei em duvida a principio, Brenner ou Reinaldo, os dois foram muito bem, mas vou ficar com Brenner desta vez pelos gols decisivos e pontuais, Reinaldo fica com menção honrosa, pela ótima partida, mas fazer dois gols no Maraca, diante do Flu, com 21 anos, é , tem de ser o Brenner o Bola Cheia.

Hoje deu para sentir, na segunda etapa um São Paulo cansado: viagens, partidas sequenciais e com o desgaste emocional muito grande, isto pode abalar, temos um grupo se pensarmos friamente, jovem e pequeno, mas a insistência de Diniz os aproveitamentos em treinamentos mais físicos de recuperação tem segurando a barra, mas hoje deu para sentir, que o cansaço e até mesmo pensando no jogo de quarta-feira no Morumbi contra o Grêmio fez pesar no lento segundo tempo, mas o suficiente para mantermos a distância de Atlético MG e aumentar a distância de Flamengo, assim dá mais tranquilidade para partidas futuras.

Abraços! – Lembre-se: Quarta-Feira tem Morumbi
Pedro Sforcini – futuro Vovô
@sforcinijunior

Fluminense x São Paulo
Foto: Lance

Facebook: @SPFC24Horas | Instagram: @spfc24horas | Twitter: @spfc24horas_

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.