Notas – Ituano 0x3 São Paulo | 8ª rodada – Paulistão 2021

Bom dia, boa tarde e boa noite Nação Tricolor.

(Foto: Rubens Chiri | saopaulofc.net)

Pela oitava rodada do Paulistão 2021, o São Paulo bateu o Ituano com certa facilidade. Gols marcados por Rodrigo, Igor Vinícius e Galeano.

O começo de partida não foi dos melhores, mas em uma arrancada de Galeano, sofreu penalidade e o zagueiro Rodrigo converteu, 1×0. A partida mudava ali, o São Paulo que já tinha muita posse de bola, dominou de vez as ações. O Ituano finalizava muito, foram 8 no primeiro tempo, mas era o São Paulo que decidia. Marcou o segundo gol após cruzamento de Welington passar pela área, Igor Vinicius chegou do outro lado e bateu bonito, 2×0.

No segundo tempo, o Ituano veio ofensivo, logo no primeiro lance assustou, mas minutos depois, o atleta deles entrou com maldade em cima de Léo e foi expulso. O jogo facilitou de vez. Domínio total são-paulino que logo envolvia, envolvia, e fez um belo gol com Galeano após passe de Igor Vinicius, mas acabou anulado por impedimento no início da jogada. Mesmo com o ritmo menor, Galeano ainda fez o seu gol após belo passe de Igor Gomes, 3×0. Com dois a mais, após mais uma entrada exagerada, o Tricolor tentou com Hernanes, Vitor Bueno, mas ficou 3×0.

Notas –

Perri – Ainda claramente fora de tempo de bola, falha em alguns lances, mas nada que comprometeu a partida ou que surgiu um lance perigoso. 5,0

Rodrigo – Personalidade ao assumir penalidade e converteu, ponto positivo. Mas no geral teve boa atuação defensiva, fez bons cortes. 7,5

Diego Costa – Bem melhor do que nos outros jogos. Ainda não é o Diego da melhor fase, mas foram 4 cortes e 3 interceptações, uma ou outra falha, mas no geral agradou. 6,5

Léo – Começo um pouco nervoso, mas quando foi melhorando, o time cresce e é ofensivamente, sua saída de bola é importante no time, acredite se quiser, mas defensivamente também fez sua parte. 6,5

Igor Vinicius – Outro que começou um pouco afobado. Depois foi crescendo, o golaço que marcou foi o ponto máximo. Ainda deu um lindo passe para o Galeano, pena que anulado. 7,0

Luan – Por vezes discreto, mas impressionante como sua presença tem sido cada vez mais crucial. Domina as ações na marcação, acertou 98% dos passes, ganhou todos duelos, partida firme. 6.5

Liziero – Volante que tanto queremos. Participativo, fazendo lançamentos espetaculares, agradou demais, esse é o Liziero que pedimos e que sabe jogar. Depois no segundo tempo foi cansando. 7,5

Talles Costa – Tem postura e personalidade, pega e vira para frente, toca em progressão. Fez uma partida aquém da anterior, mas ainda sim tem mostrado muita qualidade. 6,0

Welington – Alternou momentos de tensão, mas soube controlar e fez um bom jogo. Acertou 4 de 7 cruzamentos, deu uma assistência mesmo que não tenha sido o cruzamento para o Igor Vinicius, gerou gol, e teve muita personalidade. 7,0

Benitez – Muita raça em campo, parecia final de Libertadores. Mas ao mesmo tempo, errou alguns passes em profundidade. 6,0

Galeano – Atuando como falso nove, fez uma fumaça danada. Colocou o time no jogo, já que não tinha começado bem, sofreu penalidade em arrancada, fez o seu gol, tinha feito outro que acabou anulado. Incomodou, boa partida. 7,5

Nestor – Deu bons passes, controlou o jogo e um belo lançamento. 6,5

Igor Gomes – Fez o que é tanto pedido, um belo passe para o gol do Galeano, precisa ser mais agudo como foi nesta jogada. 6,5

Hernanes – Entrou com vontade, participativo, dinâmico, mas por vezes a perna não vai, falhou em um lance que quase gerou gol do Ituano. 6,0

Vitor Bueno – Entrou e teve algumas chances, uma passou bem perto, mas podia ter deixado o dele devido a facilidade da partida. 6,0

Vitinho – O jovem entrou com movimentação, mas um pouco afobado nas definições ao tentar cruzar ou ao finalizar, mas não foi omisso, importante. 6.0

Crespo – O treinador tem totais méritos na maneira do time jogar, envolvente, com várias opções, e isso com um time reserva – apesar dele citar ser só um São Paulo – e é verdade. Mas era um time com peças em teoria de reservas, exceção de Luan, Liziero e Benitez que já atuaram como titular. De qualquer maneira, boa partida. 7,5

Nota Geral – O São Paulo troca bolas com rapidez, de um lado para o outro, cansa o adversário, envolveu. E conseguiu uma vitória com tranquilidade, mostrando que o elenco está bem gerido e correspondendo. 7,0

Bola cheia –

Liziero – Quando ele joga bola, agrada demais, muda o patamar do time.

Galeano – Hora de ala, decidiu com assistências, hora de falso nove, decidiu com pênalti sofrido e gol marcado. Ou seja, grande momento para o paraguaio no São Paulo.

Coletivo – Quando a coletividade do time funciona, todos são elogiados. Raro ter um ou outro fora da sintonia, o time inteiro atuou bem, e agradou pela maneira de jogar, toques envolves, rápidos, de um lado para o outro.

Bola murcha –

Podia golear – Momento corneta sim. Era possível golear, jogou boa parte com um jogador a mais, e teve cerca de 15 minutos com dois a mais, podia ter sido um pouco mais agudo depois dos 20′, já que sangue novo entrou e era um time reserva, não estão muito desgastado.

Comecinho um pouco nervoso – Outro momento corneta, mas que é totalmente compreensível, foi a tensão nos primeiros minutos de jogo. O time entrou um pouco afobado, até que Galeano teve a arrancada e tudo mudou.

Abraços

Fábio Martins (@fbiomartins)

Fábio Martins

Fábio Martins

Formado em jornalismo, ADM do SPFC 24 Horas desde 2012 e principal responsável pelo site e redes sociais desde 2014. Twitter: @fbiomartins1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.